X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

O que dizem os deputados estaduais insatisfeitos com Rui Costa

O que dizem os deputados estaduais insatisfeitos com Rui Costa

Outra reclamação que parece ser constante entre a base é a ausência de Rui em eventos das bases eleitorais dos deputados.

Ecoa nos corredores da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) um sentimento de insatisfação com o governador Rui Costa (PT). Os protestos de aliados são motivados, principalmente, pela dificuldade de marcar uma audiência com o governador, pelo não atendimento de demandas e pela não participação do petista em eventos da base eleitoral dos deputados estaduais da base. 

“Te digo. O ex-governador Jaques Wagner pode pedir qualquer coisa que a base o fará. Agora, quando Rui sair do governo, ninguém fará nada por ele. Principalmente se ele ficar sem cargo eletivo”, confidenciou um dos deputados insatisfeitos da base ao Bahia Notícias que preferiu não se identificar. “Rui não atende demandas. Não recebe”, disse o mesmo parlamentar. 

Outra reclamação que parece ser constante entre a base é a ausência de Rui em eventos das bases eleitorais dos deputados. Representante evangélico na AL-BA, o deputado Samuel Jr. (PDT) comentou a falta do governador em evento dos 100 anos da igreja Assembleia de Deus na Bahia, que reuniu 45 mil pessoas na Arena Fonte Nova. “Rui não deixou de prestigiar o deputado estadual Samuel Jr. ou o deputado federal Alex Santana (PDT). Ele deixou de prestigiar a igreja. Como representante dessa igreja, senti falta dele”, comentou o parlamentar. 

Na ocasião, o governador mandou o secretário de Planejamento Walter Pinheiro. O deputado comentou que também sentiu a ausência do prefeito de Salvador, ACM Neto. 

Sobre o assunto, o governador Rui Costa afirmou que vem mantendo diálogo com os deputados estaduais, mas que a sua agenda com muitas inaugurações e trabalho vão fazer perdurar um sentimento de “saudade” no parlamento. 

“Não tenho saudade do governador. Vejo ele pelo Instagram”, disse Samuel Jr. “Eu e o deputado Alex Santana tentamos audiência com ele para entregar o convite do evento da Assembleia, mas não conseguimos. Entregamos na mão da secretária de Relações Institucionais, Cibele Carvalho, que garantiu que o convite chegou na mão de Rui”, ponderou o parlamentar. 

Como a reclamação de Samuel, outros deputados externam seus problemas com o governo no plenário da AL-BA. Apenas neste semestre são exemplos um discurso do deputado Jacó (PT), que criticou a Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), e do deputado Euclides Fernandes (PCdoB), que criticou o serviço da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa). No início do mês, o deputado estadual Robinho (PP), presidente da Comissão de Orçamento e Finança, criticou o pedido de tramitação com urgência do projeto de lei do Executivo que propõe estender o prazo de contratação temporária no estado em 24 meses. Para o parlamentar, o governo deveria discutir a proposta em uma comissão mista no Legislativo e não solicitar que ela tramite de forma mais veloz com o pedido de urgência. 

A resposta à insatisfação dos deputados estaduais e federais da Bahia quanto a dificuldade para conversar com o governador Rui Costa (PT) veio através da secretária de Relações Institucionais Cibelle Carvalho. A justificativa dada pela titular da Serin nesta segunda-feira (16) é de que a agenda do petista está "sacrificada" com viagens para o interior do estado e com a "missão grandiosa" de presidir o Consórcio Nordeste. 

 

Com informações do site Bahia Notícias

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Artigos Relacionados